quarta-feira, 25 de julho de 2012

Natal: Esqueceram de mim

Peça de teatro evangélica para o natal: http://www.4shared.com/office/eze_4d-L/NATAL-ESQUECERAM_DE_MIM.html


Natal: Esqueceram de mim

Narrador: Em Belém nasce Jesus.
2012 anos depois...

Crianças brincando num Shopping...
-Jingle Bell, jingle Bell, lá, lá, lá, lá, lá...
-Rou, rou, rou, rou, rou...
-Venham ver a chegada do Papai Noel! Venham ver! Rou, rou, rou, rou, rou...

Narrador: Neste mesmo ano se comemorava o natal na casa de Noelzinho.
Mãe: Noelzinho, já para cama! Tá muito tarde pra você ficar acordado!
Noelzinho: Ah mãe, quero ficar na televisão pra ver Papai Noel.
Mãe: Já falei, já para cama!
Noelzinho (resmungando): Ah.... txu.... oxi mãe.
Noelzinho rolando na cama e dormindo enquanto a cena se passa. Noelzinho sonha e seu clone se levanta e vai interpretar.

Narrador: Enquanto Noelzinho dorme...

Crianças cantando numa festa.

-Parabéns pra você nesta data querida...
(A música é interrompida com grande espanto)

O Clone: Ué? Cadê o aniversariante?
Narrador: Foi aquele espanto...
Narrador: Todos começaram a procurar...

Criança 1: Será que está no quarto?
Criança 2:Vamos ver...
(Procuram e não acham)
Criança 3: Não tá não.

O Clone: Será que ele está na cozinha?
Criança 4: Vamos lá...
(Procuram e não acham)
Criança 2: Também não...

Criança 4: Será que ele está no quintal?

O Clone: Certo, também é a última vez que a gente procura.

Narrador: Depois de muito procurar...

O Clone: Tá bom, vamos na casa dele...

Narrador: Todos voltam para a sala e quando abrem a porta uma surpresa...

Todos: Papai Noel!!!

Fazem uma enorme festa.

Papai Noel: Rou, rou, rou, rou, rou.

Criança 2: Quem bom que o senhor tá aqui...
O Clone: O que o senhor faz aqui Papai Noel?

Papai Noel: Eu vim hoje contar pra vocês uma história muito especial.

Enquanto isto as crianças se sentam.
Continua ele...

Criança 4: E cadê o meu presente?

Papai Noel: Rou, rou, rou, rou... Calma filhinho...

Papai Noel: Deixa eu contar a história especial a vocês... Há muito tempo atrás lá em Belém Nasceu Jesus. Ele nasceu numa manjedoura. Era muito pobrezinho, mas era uma criança muito especial.

Criança 2: Por quê papai Noel?

Papai Noel: Ele era muito inteligente... Os sábios da sua época o admiravam porque ele dava muitas lições boas. Mas, depois de ele ajudar muitas pessoas, ficaram com inveja dele, e o colocaram ele numa cruz. Ele sofreu muito. Mas foi um campeão.

Criança 3: E porque o senhor tá contando essa história pra gente Papai Noel?

Papai Noel: Ah... filhinha... Eu to contando essa história porque eu estou muito triste...

O Clone: Fica triste não Papai Noel...

Papai Noel: Pois é Noelzinho... (olhando para o clone). Eu estou muito triste porque no natal se comemora o nascimento de Jesus e parece que as pessoas se esqueceram disso. Eu ficava muito feliz quando o natal era aquele tempo de paz, de harmonia, de dar presentes, de fazer amigos e de festa... Mas, parece que hoje as pessoas se esqueceram disso. Ficaram chateadas, preocupadas e fazem tudo errado.

Criança 1: Que chato né Papai Noel...

Papai Noel: As pessoas se esqueceram de Jesus, e só falam em mim, e eu estou muito triste.

O Clone: Como a gente faz pra ajudar?

Papai Noel: Ah... é muito fácil... É só contar o que falei para vocês a todos os seus amigos, seus pais, seus irmãos, primos, todo mundo...

(As crianças se levantam e falam aleatoreamente)
Crianças: Legal, legal, legal, vamos lá.

(As crianças saem e Noelzinho acorda)

Narrador: Depois de um pesado sono...
Narrador: Noelzinho acorda como se estivesse dormindo durante seis meses....
Noelzinho: Mãe! Mãe! Mãe!

Mãe: Que é menino?

Noelzinho: Deixa eu te contar o sonhe que tive...

Mãe: Tá bom, vai...

Noelzinho: Eu sonhei com o Papai Noel.

Mãe: Que história é essa menino?

Noelzinho: É verade. Ele me contou tudo sobre a história dele. De onde veio, o que era o natal, a história de Jesus, tudo. E pediu que eu contasse isso pra todo mundo.

Mãe: É mesmo...

Noelzinho: É mãe...

Mãe: Tá bom, então vamos contar!

(Espalham-se os participantes e figurantes, num ar de alegria e começam a conversar todos num alvoroço).

Depois, todos se abraçam e dizem:

Feliz Natal Jesus!

Fim

Autor: Daniel Alves Barbosa
17/12/2004


Ajude a Manter este blog. Clique nos anúncios.